Artes Indígenas no Brasil

DETALHES DO PRODUTO

Material: Coco
Tamanho aproximado: 15 x 6 cm

SOBRE O PRODUTO

Colar de côco com fecho. Minúsculos discos cilindricos perfurados e animais esculpidos, feitos de fragmentos do côco da palmeira tucum, são uma demonstração da maestria dos Rikbaktsa no domínio de técnicas artesanais. Cada colar apresenta uma sequência de centenas discos e pequenos animais esculpidos um a um. Um trabalho que demanda tempo, conhecimento e dedicação do artesão.


POVO RIKBAKTSA

Os Rikbaktsa, como se autodenominam, são conhecidos regionalmente também como canoeiros, por sua habilidade no uso das canoas. Vivem no estado do Mato Grosso, na bacia do rio Jurema. Se destacam pela sua produção em arte plumária de grande exuberância e sua produção de miçangas a partir do tucum de tamanhos dos mais variados. Conhecidos guerreiros ainda batalham atualmente na defesa do seu território e modo de vida.


FICHA TÉCNICA

Localização: Mato Grosso
População aproximada: 1514 (Siasi/Sesai, 2014)
Família Linguística: Rikbaktsa

COLAR BICHINHO DE COCO - RIKBAKTSA

R$90,00
Esgotado
COLAR BICHINHO DE COCO - RIKBAKTSA R$90,00

DETALHES DO PRODUTO

Material: Coco
Tamanho aproximado: 15 x 6 cm

SOBRE O PRODUTO

Colar de côco com fecho. Minúsculos discos cilindricos perfurados e animais esculpidos, feitos de fragmentos do côco da palmeira tucum, são uma demonstração da maestria dos Rikbaktsa no domínio de técnicas artesanais. Cada colar apresenta uma sequência de centenas discos e pequenos animais esculpidos um a um. Um trabalho que demanda tempo, conhecimento e dedicação do artesão.


POVO RIKBAKTSA

Os Rikbaktsa, como se autodenominam, são conhecidos regionalmente também como canoeiros, por sua habilidade no uso das canoas. Vivem no estado do Mato Grosso, na bacia do rio Jurema. Se destacam pela sua produção em arte plumária de grande exuberância e sua produção de miçangas a partir do tucum de tamanhos dos mais variados. Conhecidos guerreiros ainda batalham atualmente na defesa do seu território e modo de vida.


FICHA TÉCNICA

Localização: Mato Grosso
População aproximada: 1514 (Siasi/Sesai, 2014)
Família Linguística: Rikbaktsa